atacado de joias

atacado de joias

O brilho das joias reluz, E em um atacado se avoluma, Um tesouro de beleza seduz, A alma humana que se consome.

Cintilam diamantes, esmeraldas, Safiras e rubis, pedras mil, E o coração se inflama e arde, Ao ver tamanho esplendor sutil.

Ouro e prata se entrelaçam, Em brincos, anéis, colares, E a mente sonha e se desfaz, Em um mundo de riquezas e lares.

Mas o valor das joias transcende, O preço que se paga por elas, Pois no coração de quem as rende, Reside um amor que não se revela.

O atacado de joias é assim, Um mundo de sonhos e paixão, Que traz à vida um brilho sem fim, E encanta a todos com sua emoção.

ok.

Deixe um comentário